Blog Conecta 97
Blog Conecta 97
Conecta 97



Geral

Hortigranjeiros

Publicado em 18/10/2019 11h32 - Atualizado há 9 meses - de leitura
Jornal Noroeste / Jornal Noroeste

Uma trajetória de resiliência e de mobilização da comunidade de Santa Rosa, que continua marcando a história da região.

O Encontro Estadual de Hortigranjeiros, que iniciou na década de 80, com uma proposta singela, mas consistente pela união e conhecimento do grupo empreendedor, continua se superando nessas mais de três décadas. A última edição ficará marcada pelos números históricos.

Esse foi o assunto do Conecta 97 da última quinta-feira. Facundo Nunes e Paulo Severo receberam o presidente e vice-presidente da 33ª edição Aldir Luis Mallmann e Marcos Eduardo Servat.

O bate-papo completo está disponível em www.radioguairafm.com.br.

O 33º Encontro Estadual de Hortigranjeiros, foi encerrado no último domingo (13/10), e marcado pelos números da feira e o comando da próxima edição. O evento reuniu um público histórico de aproximadamente 120 mil pessoas em cinco dias no Parque Municipal de Exposições de Santa Rosa.

O coordenador da Comissão de Dados Estatísticos, Lucas Escher, apresentou o resultado do levantamento realizado junto aos expositores da feira, revelando aproximadamente R$ 9 milhões e 473 mil até o meio-dia deste domingo. “Os grandes destaques foram para o setor de alimentação e de floricultura, que praticamente dobraram sua comercialização em relação à edição anterior”, afirmou. As tendas externas, bares e restaurantes movimentaram em torno de R$ 850 mil e o pavilhão de floricultura, R$ 216 mil. Já no tradicional Pavilhão 12, o montante da comercialização girou em R$ 1,2 milhão; veículos e máquinas agrícolas, R$ 3,5 milhões; Indústria e Comércio, 2,3 milhões; no Artesanato, R$ 287 mil; áreas externas e outras categorias, R$ 1,1 milhão.

Para e Edição de 2021 foi anunciado o nome de Euclides Spies para se juntar ao já presidente Servat. Destaque também para a maratona de desafios do Hackathon, que teve por objetivo criar e propor soluções para desafios como a agregação de valor aos produtores, diversificação de cultura e facilidade de acesso e logística rural. Foram doze equipes e mais de 40 competidores na maratona organizada pela Agência de Desenvolvimento de Santa Rosa. Dez equipes chegaram à etapa final de avaliação da banca dos projetos, composta pela Secretaria Municipal de Desenvolvimento Rural, Agência de Desenvolvimento, Hortigranjeiros, Emater/RS-Ascar e Associação dos Produtores de Hortigranjeiros de Santa Rosa (Aprhorosa).

Com o apoio da Fundação Educacional Machado de Assis (Fema) e a Unijuí foram entregues R$ 8 mil em premiação, no total, às duas equipes que melhor apresentaram soluções aos problemas do desafio, sendo em primeiro lugar, a equipe Princelss Brains, dos participantes Angel Paola Naconechny, Fernando Reffatti, Lara Vanessa Almeida e Renan Carlos Weber, que receberam cinco mil reais, por terem apresentado uma solução global de alimentação em forma de aplicativo.

A segunda colocação levou o prêmio de R$ 3mil, foi a InovAgro, dos participantes Kelly Lunardi, Luiz Ariel Tibola, Marlon Luis Saling e Pedro Stein, que apresentaram o projeto “Minha Horta ponto com”, onde propõe-se o cadastro de produtores rurais em um aplicativo, para facilitar a logística de distribuição e gestão rural.

Últimas do Blog

VER MAIS NOTÍCIAS


Mais lidas do Blog


Top Vídeos

:: assista aos destaques

Unidade Covid-19 de Santa Rosa completa seis meses de funcionamento

Há seis meses, a equipe multiprofissional do Hospital Vida & Saúde trabalha diariamente na Unidade Especializada em Problemas Respiratórios e COVID-19, localizada no prédio do Hospital Dom Bosco. São médicos, enfermeiros, nutricionistas, técnicos em enfermagem, fisioterapeutas e psicólogos, que não medem esforços para salvar vidas e garantir um atendimento humanizado aos pacientes.

há 8 horas


Balanço da primeira semana da retomada das aulas presenciais

há 2 dias


Seis meses após o 1º caso de Covid-19 em Santa Rosa

há 2 dias