Redução de horas-aula faz CNH ficar 14% mais barata

A redução entra em vigor a partir do dia 16 de setembro.

Redução de horas-aula faz CNH ficar 14% mais barata

O Conselho Nacional de Trânsito (CONTRAN) reduziu de 25 para 20h a quantidade de aulas práticas obrigatórias para fazer a Carteira Nacional de Habilitação (CNH). Na mesma resolução, publicada na segunda-feira, 17, no Diário Oficial da União (DOU), o órgão determinou que o uso do simulador nas aulas de direção é facultativo. Com isso, o valor pago pelo documento cairá de R$ 2.270,76 para R$ 1.954,91 – uma redução de quase 14%. O cálculo é do Departamento Estadual de Trânsito gaúcho (Detran-RS). A redução entra em vigor a partir do dia 16 de setembro. Isso porque a resolução do CONTRAN concede prazo de 90 dias para os Centros de Formação de Condutores (CFCs) aplicarem as alterações.

Mesmo para o aspirante a motorista que decidir fazer cinco aulas no simulador, o preço da CNH continuará menor: sairá por R$ 1.965,76. O Detran esclarece, porém, que o valor leva em conta a aprovação do candidato na prova prática. Há situações em que o próprio aluno decide fazer mais aulas antes do teste para chegar mais seguro ao exame.

Em relação ao simulador, o Detran-RS explica que a sua eficácia ainda não foi comprovada.