Médicas de Cuba deixam de atender em Santa Rosa

As profissionais atuavam, uma na Unidade Básica de Saúde da Cruzeiro do Sul e outra na Júlio de Oliveira.

Médicas de Cuba deixam de atender em Santa Rosa

O diretor de Gestão Estratégica e Participativa da Fundação Municipal da Saúde, Ademir Rosa confirmou, ao Jornal Noroeste, que as duas médicas cubanas, que integravam a equipe da Fundação Municipal de Saúde de Santa Rosa, não realizam mais atendimentos. As profissionais atuavam, uma na Unidade Básica de Saúde da Cruzeiro do Sul e outra na Júlio de Oliveira

Questionado sobre os atendimentos, Ademir reiterou que a Fundação está refazendo as escolas de serviço, com intuito de garantir atendimento a todas as unidades de saúde. “Não tem unidade básica sem atendimento, porém está sendo feito escala, por enquanto, até normalizar”, salientou Ademir.

As médicas se despedem de Santa Rosa na próxima sexta-feira, 30. No sábado elas voltarão para Cuba.

Para suprir a demanda, a Fundação aguarda do Governo Federal a confirmação de novos médicos para suprir a demanda.