Agosto: Estudo do MP mostrou insatisfação quanto a qualidade da telefonia e internet móvel

Em agosto o assunto da instalação de painel eletrônico na rótula do Taffarel ganhou novo capítulo, quando a vereadora Sonia Conti (PCdoB) encaminhou pedido de providências à prefeitura, para que o fato fosse esclarecido.

O Controle Interno da prefeitura apontou a instalação como irregular e encaminhou parecer ao Ministério Público.
O Controle Interno da prefeitura apontou a instalação como irregular e encaminhou parecer ao Ministério Público.

A região escolheu Agricultura, Saúde e Educação como prioridades na Consulta Popular realizada na primeira semana de agosto. Sob a coordenação do Conselho Regional de Desenvolvimento (Corede) Fronteira Noroeste, o processo contabilizou 167 mil votos, apontando a Agricultura encabeçando a lista das prioridades, com 28.444 votos, através da proposta de consolidação do Arranjo Produtivo Local (APL) do Leite, proposta que o governo do Estado projetou investimento na ordem de R$ 1 milhão para o orçamento de 2018.

Em agosto o assunto da instalação de painel eletrônico na rótula do Taffarel ganhou novo capítulo, quando a vereadora Sonia Conti (PCdoB) encaminhou pedido de providências à prefeitura, para que o fato fosse esclarecido. O assunto, em outubro, viria a se tornar em uma CPI instalada no Legislativo para averiguar a situação. O Controle Interno da prefeitura apontou a instalação como irregular e encaminhou parecer ao Ministério Público.

A situação crítica por que passa o hospital Dom Bosco voltou a ser pauta, quando o Jornal Noroeste publicou em sua capa, na edição de 11 de agosto, que a Abosco, mantenedora da instituição e o hospital Vida & Saúde avaliavam uma proposta de gestão compartilhada. Na oportunidade, representantes das duas casas de saúde e lideranças como o prefeito Alcides Vicini e o ministro do Desenvolvimento Social, Osmar Terra, falaram sobre o tema, quando apontaram que a ideia em estudo, entre suas propostas, incluía a criação de um Centro Regional de Saúde, envolvendo os dois hospitais. O tema foi capa do Jornal Noroeste, que apresentou detalhes sobre o assunto, ouvindo os envolvidos, entre eles, Jucelino Gonçalves coordenador de um Comitê de Apoio à Abosco.

Outro assunto relevante do mês foi a proposta do prefeito Alcides Vicini, que sugeriu ao Conselho Municipal de Políticas Culturais a venda do ginásio João Batista Moroni e, com metade do que fosse arrecadado, aplicar na obras do Centro Cultural - antigo prédio da prefeitura. Para que a proposta se consolidasse o Conselho teria que desistir da ideia de tombamento do ginásio, que tramita na Justiça, para que ele pudesse ser colocado à venda. A estimativa, segundo Vicini, seria de arrecadação de R$ 4 milhões com o negócio. Já na Câmara de Vereadores, na semana de aniversário do município, José Albino Rohr recebia o título de Cidadão Santa-rosense, através de proposta apresentada por Dado Silva (PT) e aprovada por unanimidade. Natural de São Luiz Gonzaga, José Albino Rohr é professor aposentado. Em Santa Rosa, onde chegou em 1978, foi vereador por três mandatos.

Aplicada pelo Ministério Público, a pesquisa que avaliou o sistema de telefonia móvel em Santa Rosa, apontou a grande queixa do cidadão em relação à operadora Vivo. Foram três mil usuários pesquisados durante 30 dias. Ao todo, 65,1% dos entrevistados avaliaram o sinal de voz como péssimo e 25,4% como ruim, Já a internet móvel foi considerada péssima para 54% dos participantes da pesquisa. A Vivo teve 2,4 mil avaliações, seguida da Tim, que recebeu 224 avaliações.

Na área da segurança pública, a notícia negativa foi o registro de novas mortes por acidente de trânsito. Um jovem de 19 anos morreu em Guia Lopes, na altura do Km 176 da BR 472. Ele estava de moto e colidiu com um automóvel Gol. Já em outro trecho da mesma rodovia, uma mulher morreu quando seu veículo, um Gol, chocou-se contra um caminhão, no trecho próximo ao Balneário Corpo e Alma. Outro fato ocorreu na ERS 344, próximo ao trevo de acesso a Giruá. Um homem de 27 anos, que caminhava no acostamento, foi atingido por um automóvel Focus, Também na mesma rodovia, um homem morreu e cinco ficaram feridos no acidente envolvendo um Gol e um Corolla.

Importante na consolidação do sistema público de saúde de Santa Rosa, o Conselho Municipal de Saúde comemorou seus 25 anos de fundação. Marco histórico e decisivo para o avanço do sistema vigente até os dias atuais, o Conselho nasceu a partir da Conferência Nacional da Saúde, ocorrida em 1992. Naquele ano o prefeito Alcides Vicini, em seu primeiro mandato, enviou à Câmara o projeto que municipalizou a saúde e criou o Conselho, formado por 72 pessoas, representando usuários do SUS, profissionais da saúde e ainda gestores e prestadores de serviços.

E em agosto, após avaliar cenários, e, mesmo depois de ter confirmado um aporte de R$ 100 mil para o festival, o prefeito Alcides Vicini anunciou a suspensão do Musicanto para 2017. Isso, segundo ele, por falta de perspectivas de receitas de patrocínio.