Prefeito Valdi responde a processo de cassação

Câmara abriu uma ação de Infração político-administrativa pois o politico exerce também a função de médico.

Prefeito Valdi responde a processo de cassação

O Ministério Público Estadual, após instaurar um inquérito para investigar o prefeito de Cândido Godói, Valdi Luis Goldschmidt (MDB) encaminhou denúncia à Câmara de Vereadores.

As investigações partiram do promotor Rodrigo Alberto Wolf Piton, do Ministério Público da Comarca de Campina das Missões, que denuncia “um comportamento incompatível coma dignidade e o decoro do cargo, de parte do prefeito”. O prefeito é médico e realiza plantões no hospital da cidade, no horário em que deveria estar na prefeitura.

O legislativo abriu um processo de Infração político-administrativo. Segundo o advogado da Câmara, Sidnei Reginaldo, o processo segue sob análise dos vereadores. Está marcado para a próxima quinta-feira, 16, às 9h, uma sessão para ouvir a defesa de Valdi. Depois os vereadores votarão o processo para definir se Goldschmidt será cassado ou continuará no cargo.

Nossa reportagem procurou o prefeito na manhã de quarta-feira, 08, através de contato telefônico. A secretária de gabinete informou que o mesmo estava em seu consultório no hospital. Ao jornal, Valdi afirmou que não vê nenhuma irregularidade, e afirma que ela não é baseada em nenhuma lei. O prefeito concede entrevista na manhã desta segunda-feira, 13, na Rádio Noroeste.