DRACO deve se instalar em março e funcionará no prédio Central de Polícia

A DRACO será especializada na repressão ao crime organizado, com ênfase às ações de organizações criminosas, combaterá lavagem de dinheiro, tráfico de drogas, furtos e roubos, bem como ataques a caixas eletrônicos.

Conforme o delegado Tiago Tescke a DRACO será especializada na repressão do crime organizado.
Conforme o delegado Tiago Tescke a DRACO será especializada na repressão do crime organizado.

A instalação da Delegacia de Polícia de Repressão às Ações Criminosas Organizadas-DRACO está prevista para março. A delegacia foi confirmada em dezembro, agora faltam os tramites burocráticos para iniciar os atendimentos.

Conforme o delegado Tiago Tescke a DRACO será especializada na repressão do crime organizado, com ênfase às ações de organizações criminosas. Combaterá a lavagem de dinheiro, tráfico de drogas, furto e roubo de gado, furto e roubo de veículos, ataques a caixas eletrônicos. Também atuará na repressão a roubos a banco e a instituições financeiras, extorsão mediante sequestro, roubos a transporte de valores, furto e roubo de carga de caminhão, roubos à residências e a estabelecimentos comerciais com lesões, latrocínio e receptação qualificada de veículo. “Ou seja, a Polícia Civil se aparelhando para fazer frente ao crime organizado”, reiterou.

A DRACO funcionará no prédio da Central de Polícia.