Hortaliças cultivadas na Exporural são doadas a entidades socioassistenciais

A produção cultivada na área junto à Exporural foi doada a entidades socioassistenciais de Santa Rosa.

Hortaliças cultivadas na Exporural são doadas a entidades socioassistenciais

As hortaliças cultivadas no espaço da Emater/RS-Ascar destinado à demonstração de produção de alimentos para autoconsumo, durante a Feira Nacional da Soja (Fenasoja 2018), foram colhidas e doadas neste domingo (06/05), último dia do evento. A produção cultivada na área junto à Exporural foi doada a entidades socioassistenciais de Santa Rosa.

Durante a feira, o público visitante da Exporural pode conferir no espaço olerícolas cultivadas no solo, em sistema semi-hidropônico, hidropônico com sombrite e em estufa. "Durante a feira, a Emater demonstrou um conjunto de tecnologias para produção de alimentos e, ainda, tivemos a oportunidade de ter produzido os alimentos para a doação a entidades socioassistenciais", afirmou o chefe do escritório municipal da Emater/RS-Ascar, de Santa Rosa, Celso Fanfa.

O presidente da Fenasoja 2018, Alexandre Maronez, parabenizou as instituições envolvidas pela atitude da promoção da saúde por meio da doação de alimentos produzidos sem uso de agroquímicos e por facilitar o trabalho das entidades que ajudam a tantas pessoas.

Entre os alimentos doados estavam brócolis, repolho, cenoura, abobrinha, salsa, cebolinha, couve rábano, alface, americana, alface roxa, beterraba, rabanete e pepino. "Nós atendemos mais de 100 crianças no turno inverso da escola, assim como famílias de baixa renda, oferecendo alimentação pela manhã e pela tarde, por isso, essa doação é muito importante", afirma Cíntia Schorr, representante da Associação Beneficente Francisco de Assis (Abefra), uma das entidades beneficiadas. Receberam doações também o Centro Assistência Social Sagrada Família (Casf) de Cruzeiro, Lar do Idoso e Associação Vida Plena Amor Exigente (Avipae).