Inicia a segunda turma do Programa Jovem Aprendiz do Campo

As aulas, iniciaram  no dia 04 de fevereiro. Elas acontecem de forma teórica e prática, sendo duas semanas no SEG e outras duas com atividades práticas na propriedade de cada estudante.

Cada aluno recebe bolsa auxilio mensal de R$416,00, vales transporte e alimentação.
Cada aluno recebe bolsa auxilio mensal de R$416,00, vales transporte e alimentação.

No dia 30 de janeiro, no Colégio Concórdia, ocorreu o primeiro encontro da segunda turma do Projeto Jovem Aprendiz Cooperativo, reunindo os 29 alunos participantes e seus pais.

O Programa Jovem Aprendiz Cooperativo do Campo é um projeto do Sistema Ocergs-Sescoop/RS, que atende as cooperativas agropecuárias com cursos de aprendizagem em atividades dirigidas aos jovens filhos de associados, estimulando a permanência dos mesmos no campo e promovendo a sucessão familiar. Em Santa Rosa, o curso é realizado através da parceria entre as cooperativas Cooperconcórdia, Cotrirosa e Coopermil, com aulas teóricas e práticas.

Na oportunidade a Cooperconcórdia apresentou a sistemática de funcionamento do programa, com as disciplinas integrantes do currículo, carga horária e todas as orientações necessárias aos alunos participantes. Da mesma forma foi repassada aos pais dos alunos a importância do envolvimento da família em todo o processo de aprendizagem bem como no acompanhamento das atividades a serem desenvolvidas nas propriedades, para que possam aplicar na prática, as vivências obtidas em sala de aula.

O Presidente da Coopermil, Joel Antonio Capeletti, durante sua manifestação destacou a preocupação da Coopermil em participar efetivamente do desenvolvimento do Programa, principalmente visando o fortalecimento do trabalho cooperativista e a discussão da sucessão familiar compartilhada como alicerces da busca da permanência do jovem na atividade.

O presidente da Cotrirosa, Eduino Wilkomm, destacou a importância do jovem no meio rural e reforçou a relevância do programa, que estimula a permanência dos jovens no campo e promove a sucessão familiar.

 As aulas, iniciaram  no dia 04 de fevereiro. Elas acontecem de forma teórica e prática, sendo duas semanas  no SEG e outras duas com atividades práticas na propriedade de cada estudante. Cada aluno recebe bolsa auxilio mensal de R$416,00, vales transporte e alimentação.