Média de preço do botijão de gás é de R$ 89 em Santa Rosa

Cidade tem o maior preço, comparado com Giruá e Tuparendi. Diferença gira em torno de R$ 18,00.

Média de preço do botijão de gás é de R$ 89 em Santa Rosa

Um levantamento feito pela reportagem do Jornal Noroeste na manhã desta sexta-feira, 26 de outubro, mostra que o preço do botijão de gás de cozinha é mais caro em Santa Rosa, em relação a municípios vizinhos, com diferenças que chegam a R$ 18,00. O levantamento já havia sido feito pela reportagem em novembro de 2017, quando a diferença era de até 20,00.

Quatro distribuidoras locais foram abordadas. Em duas delas o valor do botijão de 13 kg está sendo vendido a R$ 88,00 quando entregue em casa pelos caminhões e duas delas R$ 90,00. Se o consumidor comprar na própria distribuidora os valores sofrem reduções que variam de R$ 5,00 a R$ 7,00.

Quando comparados com valores de municípios vizinhos a Santa Rosa, a diferença nos preços varia de R$ 12,00 a R$ 15,00 se entregues em casa, e de R$ 15,00 a R$ 18,00 comprados na empresa.

Em Tuparendi o valor do botijão é de R$ 75,00 entregue em casa e R$ 70,00 comprado na empresa. Em Giruá, o valor é ainda menor: R$ 72,00 entregue em casa e R$ 67,00 adquirido na empresa. Os mesmos valores também foram verificados em outra revendedora.

Questionados pela reportagem do motivo de Santa Rosa ter o maior preço, dois empresários questionados, afirmam que só vendem com preço abaixo aquelas empresas que trabalham na informalidade, alegação negada pelas distribuidoras pesquisadas que praticam valores menores.

Em um caso citado por uma fonte, mostra que em uma determinada revenda, o botijão custa 84,00, mas nossa reportagem não conseguiu contato pelo telefone repassado.