De março a abril Santa Rosa registrou aumento do desemprego

O setor de Agropecuária, Extração Vegetal, Caça e Pesca foi o que mais desempregou.

De março a abril Santa Rosa registrou aumento do desemprego

Entre os meses de março e abril, o município de Santa Rosa fechou 187 vagas de trabalho formais. Os dados são confirmados pelo Cadastro Geral de Empregados e Desempregados (CAGED), e foram divulgados no dia 24 de maio. No período foram 1.233 admissões contra 1.420 demissões.

O setor de Agropecuária, Extração Vegetal, Caça e Pesca foi o que mais desempregou, pois abriu 18 vagas e demitiu 222 pessoas. Já o ramo de serviços industriais e utilidade pública realizou cinco contratações e oito desligamentos. A Construção Civil também contribuiu para o saldo negativo, pois foram 103 contratações e 112 demissões.

Nos setores com saldo positivo no emprego destaca-se a Indústria e Transformação, que admitiu 234 e demitiu 223, gerando um saldo positivo de 11 vagas. O Comércio também apresentou alta, com 21 vagas a mais e os Serviços com 16. 

Segundo a Secretaria Especial de Previdência e Trabalho do Ministério da Economia, o saldo de empregos no Rio Grande do Sul teve retração em abril. No período, foram fechados 2.498 postos de trabalho, um recuo de 0,10% em relação ao estoque do mês anterior.

O resultado de abril no Estado foi influenciado pela retração do emprego na Agropecuária, com fechamento de 4 mil postos formais, no Comércio (-612) e na Construção Civil (-500). Já Serviços, com abertura 1,5 mil novas vagas, e a Indústria de Transformação (+1,1 mil) se destacaram com saldos positivos no mercado gaúcho.

Este foi o melhor resultado para abril desde 2013. Na época, o Caged registrou a criação de 196.913 vagas. Terceiro ano consecutivo de saldos positivos e crescentes no mês, o número reflete a recuperação do contingente de empregos formais em abril desde 2017. No acumulado do ano, de janeiro a abril, foram gerados 313.835 postos de trabalho e o estoque de empregos chegou a 38,7 milhões. O resultado de abril de 2019 está diretamente relacionado aos setores de Serviços, Indústria de Transformação e Construção Civil, responsáveis pela maior parte da geração de empregos no mês.