Dumbo

Dumbo

O clássico de 1941 estreará no Brasil nesta sexta-feira, 29. O filme é um remake* e live-action** da animação. Ele é centrado na história de um filhote de elefante circense - que tem orelhas grandes – até descobrir que as mesmas o permitiam voar.  E que além de tudo - assim como na versão original – sua mãe é levada embora à força. Mas apesar de tudo, Dumbo é bastante diferente da primeira animação.

Dumbo é o protagonista, mas o longa também conta a história de Holt (Colin Farrell), um veterano da I Guerra Mundial, que durante os combates ficou viúvo, perdeu um braço e consequentemente seu número no circo. Holt recebe de Medici (Danny DeVito) o dono do circo, a missão de cuidar do elefantinho que acabou de nascer. Os filhos de Holt – Joe e Milli (diferente do original, que é o ratinho Timothy) são os responsáveis a descobrir as habilidades do elefantinho.

O filme foi escrito em uma nova versão por Ehren Kruger. E conta com atores como Eva Green, Colin Farrel, Michael Keaton e Danny DeVito.

Tim Burton é quem dirige o filme, apesar de não ser fã de circo e ficava irritado com as imagens de animais em jaulas além de palhaços. Ele pegou o filme como desafio, assim como todos os outros. Tim é um dos maiores cineastas de todos os tempos. Ele ganhou notoriedade no inicio da década de 1980 com aspectos macabros e exóticos, que automaticamente o remete a toda e qualquer obra que esteja inserido. É o segundo live-action que Burton dirige – o primeiro foi Alice no País das Maravilhas.

  • *remake: É quando se produz novamente uma história já conhecida do público e que já tivera uma produção anterior, ou mesmo mais de uma com ajustes mais modernos e tecnológicos.
  • **live-action: é um termo utilizado para definir os trabalhos que são realizados por atores reais, ao contrário das animações.

Os próximos lançamentos da Walt Disney: Aladdin – 23 de maio | O Rei Leão – 18 de julho.