O que vereadores fazem em Brasília?

O que vereadores fazem em Brasília?

Sem prerrogativa nenhuma para encaminhar projetos na esfera federal, vereadores aproveitam seus cargos para viajar, visitar lideranças de seus partidos e gastar dinheiro público. Isso acontece em todo o país e em Santa Rosa não poderia ser diferente. Ou deveria ser?

Nós santa-rosenses estamos arcando com a despesa de R$ 8.824,05. O valor é o que será gasto em uma viagem do presidente da Câmara de Vereadores de Santa Rosa, Migue Knorst-PCdoB, do assessor da Mesa Diretora Ângelo Zeni, e do vereador Cláudio Schmidt-MDB. Em passagem de avião foi empenhado R$ 4.991,49, R$ 3.046,56 em diárias (cada um R$ 1.015,52) e R$ 786,00 (262,00 cada) em passagem de ônibus até Porto Alegre. Eles não retornarão de ônibus, pois o vôo é direto a Santo Ângelo, e de lá voltam a Santa Rosa com carros próprios.

Na justificativa (empenho) está destacado que os citados participariam de audiências com o ministro Osmar Terra, além de encontros com deputados federais com representação na Região Noroeste. Conforme o documento, eles foram apresentar as demandas do município.

Mas vale a reflexão: Temos prefeito e servidores, “executivo”, para isso. Uma ida de vereadores a Brasília resulta no que?

Acontece que o ministro Osmar Terra deverá confirmar visita a Santa Rosa para os próximos dias. E com os deputados, com tantas tecnologias, como internet, telefone, sinal de fumaça. Será que é necessário dois vereadores irem até Brasília para tratar sobre demandas da cidade?

Isso é dinheiro público jogado no ralo.