Moscow Mule

Moscow Mule

"O da canequinha"

O Moscow Mule é eleito o queridinho da vez. Ele é um dos drinks que têm feito sucesso nos bares do mundo inteiro. Ele possui um sabor refrescante, apesar de ser feito de várias formas ele leva o gengibre como o principal ingrediente.

A primeira forma é o cocktail feito com vodka, ginger beer (cerveja sabor gengibre picante) e suco de limão a outra forma, já que aqui no Brasil é bem difícil encontrar o ginger beer, é substituí-lo por água com gás, açúcar, canela e gengibre ralado. A bebida é tradicionalmente servida numa caneca de cobre.

O Moscow Mule, ou popularmente chamado “drinque da canequinha” chegou aos pouquinhos aqui no Brasil, em 2017.

Clássico dos anos 1950, o coquetel ajudou a popularizar o consumo de vodca nos Estados Unidos e no Canadá. O seu nome, algo como mula de Moscou, é uma referência ao efeito
que o destilado de origem russa, cujo teor alcoólico varia de 35% a 60%, costuma causar em seus bebedores. De acordo com a história, o Moscow Mule surgiu quando dois amigos, um que vendia vodka e outro que vendia cerveja de gengibre, uniram esforços para promover os seus produtos. Eles se encontraram em um bar de Nova York, onde combinaram as bebidas com limão. 

Modo de preparo

Em uma panela, coloque a uma xícara de água, uma xícara de açúcar, suco de meio limão, uma canela em pau e duas colheres (sopa) de gengibre ralado. Misture bem e leve ao fogo baixo. Deixe cozinhar até que a mistura adquira a consistência de xarope. Quando tiver dado o ponto, coe e transfira para uma garrafa de vidro com tampa e leve para geladeira. Em uma caneca, coloque duas doses de 50 ml de xarope de gengibre. Acrescente uma dose de 50 ml de vodca e gelo à vontade. Misture bem.